Cirurgia e Urologia Pediátrica

Cirurgia Pediátrica

A Cirurgia Pediátrica é a especialidade cirúrgica dedicada ao atendimento de crianças desde o período neonatal até a adolescência. O Cirurgião Pediátrico é o especialista que tem formação para lidar com as grandes diferenças fisiológicas, bem como com as doenças e mal-formações específicas de cada um dos grupos etários. A maioria dos procedimentos cirúrgicos é realizada em hospitais infantis, ou em unidades cirúrgicas pediátricas nos hospitais maiores. Alguns exemplos de patologias tratadas pela Cirurgia Pediátrica:

  • Patologias da região inguinal e da parede abdominal, como hérnia inguinal e umbilical, hidrocele e criptorquidia.
  • Patologias do fígado e vias biliares, como calculose biliar e má-formações das vias biliares. Alguns cirurgiões pediátricos tem treinamento específico para realizar transplante hepático.
  • Correção cirúrgica de defeitos congênitos dos mais diversos tipos, incluindo mal-formações do esôfago, duodeno, intestino e parede abdominal. Atresias e estenose, gastrosquise e onfalocele são exemplos. São procedimentos cirúrgicos realizados na maioria das vezes em recém-nascidos, logo após o nascimento.
  • Algumas doenças específicas do reto e ânus de recém-nascidos, como por exemplo anomalias anorretais e megacólon agangliônico congênito, são tratadas exclusivamente pelos cirurgiões pediátricos.
  • Mal-formações da região cervical, como cistos e resquícios branquiais e cisto tireoglosso.
  • Diagnóstico e tratamento cirúrgico dos tumores que acometem as crianças, além de implante de dispositivos para realização de quimioterapia.
  • Fimose e outras anomalias do pênis e do prepúcio.
  • Procedimentos videolaparoscópicos.
Urologia Pediátrica

A Urologia Pediátrica é uma subespecialidade da Cirurgia Pediátrica dedicada a diagnosticar e tratar doenças e mal-formações do trato genitourinário. A maioria das doenças que acomete o trato urinário e genital da população pediátrica são específicos deste grupo etário. O Urologista Pediátrico é o cirurgião que tem formação específica para diagnosticar e tratar doenças como :

  • Hipospadia, que é a anomalia da genitália tratada com maior frequência pelo Urologista pediátrico. Outras anomalias, como genitália ambígua e anomalias de diferenciação sexual, também são tratadas por este especialista.
  • Anomalias do sistema coletor renal, como estenose de JUP e duplicidade pielocalicial. Ureteroceles, ectopia ureteral e megaureter obstrutivo.
  • Doenças congênitas como epispádia e extrofia de bexiga, Síndrome de Prune-Belly e persistência de cloaca.
  • Disfunção miccional e bexiga neuropática.
  • Uropatias obstrutivas, como válvulas de uretra posterior.
  • Refluxo vesicoureteral e ITU de repetição.
O Urologista Pediátrico também tem formação específica para realização de procedimentos endoscópicos e videolaparoscópicos.